InícioInício  PortalPortal  FAQFAQ  BuscarBuscar  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-seConectar-se  
Anjos RPG BR. Divulgue!
Bem Vindos! De uma Olhada No Evento Atual.
É novato? Olhe os Tutoriais, as Listas e o tópico de Regras.
Confira a Staff do fórum.

Compartilhe | 
 

 [Lista] Castas dos Anjos

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Gabriel

avatar

Mensagens : 50
Pontos de Vida :
100 / 100100 / 100

Data de inscrição : 26/04/2011

Ficha do personagem
Level: Incontável
Casta: Arcanjo
Armas:

MensagemAssunto: [Lista] Castas dos Anjos Sab Abr 30, 2011 9:13 pm

Esta é uma pequena introdução sobre a variedade de castas de anjos existentes no RPG.
Informações parafraseadas do livro "A Batalha do Apocalipse".

Citação :
Citação :
QUERUBINS [Os Guardiões]

Os Querubins representam a casta guerreira. Eles são os defensores dos Céus e os executores das ordens de Deus. São altamente militarizados e vivem sob um rígido código de honra, cumprindo as vontades divinas a qualquer custo. Não importa se essa ordem seja para matar um demônio ou uma criança indefesa; a sua posição em relação aos outros é completamente neutra. Costumam possuir armas e armaduras, embora as escondam quando estejam na Terra. O príncipe desta ordem é o anjo Balberith. Na realidade, os Querubins constituem o Exército de Deus, anjos especializados em combate. Embora muitos Querubins tornem-se extremamente poderosos, sua tendência de lealdade a Yahweh os leva a permanecerem neutros em decisões que não os competem, fazendo que as outras castas não os considerem como uma real ameaça. Os Querubins estão espalhados pelas camadas celestiais, embora a sua morada, o Castelo da Luz, localize-se no Quatro Céu. O antigo príncipe da casta, o anjo Raziel, é hoje um dos Anjos Caídos, junto com Lúcifer e Samael.

Base de Operações: o Quarto Céu, Acheron.
Príncipe: Balberith.
Fraqueza: Suas ações medicinais não são muito efetivas.

Citação :
Citação :
SERAFINS [Os Tronos]

Estes anjos são conhecidos como os burocratas do Paraíso. São eles que cuidam de toda a parte administrativa, traçam planos de batalha e iniciam guerras. Embora a palavra dos arcanjos seja lei, os Serafins os ajudam com seus intrincados projetos. Conflitos entre grandes generais Querubins e os Serafins são constantes, posto que estes últimos tendem sempre a querer assumir o controle da situação principalmente em caso de guerra. Costumam exercer grande influência no Reino dos Céus e não costumam vir à Terra. São manipuladores e insensíveis, porém justos. Sabem melhor do que ninguém como manter a ordem. Preocupam-se muito pouco com a vida dos mortais, a não ser que isso seja para eles proveitoso. Os Serafins preferem assumir o controle da situação e comandar à distância sempre que possível. A maior parte dos problemas administrativos, principalmente o destino das almas que se dirigem constantemente para o Segundo Céu, está nas mãos dos Serafins. Tem uma representatividade grande no Conselho dos Anjos e por isso a maioria vive no Quinto Céu, no Vale de Yahweh, freqüentemente perto do Palácio Celestial e dos distritos administrativos. Essa casta tende a comportar anjos egoístas e interesseiros, consumidos pela sede de poder, o que não significa necessariamente que sejam de má índole.

Base de Operações: o Quinto Céu, Celestia.
Príncipe: Jehoel.
Fraqueza: Não são muito efetivos no combate corpo-a-corpo.

Citação :
Citação :
ELOHINS [Os Principados]

Os Elohim foram concebidos para guiar os humanos e comandar o reino dos mortais, daí chamá-los também de Principados. No início dos tempos, os arcanjos os enviaram à Terra para comandar as regiões do mundo. Hoje, embora exista um número incrivelmente pequeno de Elohim governando nações, ainda há muitos anjos dessa ordem influenciando governantes e líderes. O que os Elohim gostam é de guiar a espécie humana. Não importa se eles são assessores de governo ou chefes de gangue. O que os interessa é comandar grupos de mortais. Cada um a seu estilo. A maioria dos Elohim possui hábitos extremamente humanos, mas isso não quer dizer que gostem dos mortais - como os Ofanim gostam. Diferentemente desses últimos, os Elohim consideramse pastores a guiar o rebanho. Mas o que os interessa é comandar as ovelhas, e não necessariamente protegê-las. Na antigüidade, muitos Elohim governaram regiões inteiras, e dizem que uma dinastia de Faraós do antigo Egito era composta por essa casta de anjos. Os Elohim, embora possam adquirir hábitos essencialmente humanos, comandam pelo simples prazer de comandar. As outras castas, quando querem ofendê-los alegam que são anjos que não conseguiram assumir posições de destaque no Reino dos Céus e por isso contentam-se em governar os humanos, para amenizar sua frustração. A casta se organiza em assembléias, embora seja a única que não tenha um príncipe.

Base de Operações: A Terra, Haled.
Príncipe: Não tem (se organizam em assembléias).
Fraqueza: Por permanecerem a maior parte do tempo na terra, ficam mais fracos nas camadas celestes.

Citação :
Citação :
OFANINS [Os Virtudes]

Os Ofanim são conhecidos como a Consciência dos mortais. Quando Deus criou a espécie humana, incumbiu os Ofanim de cuidá-los e ajudá-los no que fosse necessário, como uma ama a ensinar uma pequena criança a andar. Diferentemente dos Elohim, os Ofanim não estão preocupados em governar os humanos, para provar para si mesmos que são superiores, mas a sua própria natureza os impulsiona a ajudar os mortais da melhor maneira possível. Os Ofanim costumam materializar-se na Terra para ajudar as almas necessitadas, os pobres, os desgostosos de si. Eles não pregam necessariamente a Palavra, mas ajudam os mortais a redescobrir a sua auto-estima e fé, seja em qual religião for. A maior preocupação dos Ofanim é salvar a alma dos mortais, fazendo-os passar pela Gehenna diretamente para o Éden, sem submeter-se ao terror que os Hashmalim exercem sobre as almas humanas, tendo nesses os seus maiores inimigos. A maioria dos Ofanim assume um papel direto de proteção, e são conhecidos por muitos mortais como anjos da guarda. Muitos anjos rebeldes caíram porquê se recusavam a cumprir as ordens do Senhor de eliminar mortais. São os mais “humanos” de todos os anjos. Amam a Terra e a vida e estão sempre aptos a ajudar os mortais. Os Ofanim tendem a assumir personalidades bemhumoradas e são quase sempre prestativos, além de ter um sentido de honestidade e justiça tão grande quanto os Serafins, embora não saibam como administrar isso tão bem quanto eles.

Base de Operações: A Terra, Haled.
Príncipe: Rikbiel.
Fraqueza: Seus ações ofensivas não são muito efetivas.

Citação :
Citação :
HASHMALINS [Os Dominações]

Os Hashmalim constituem a casta de anjos que mais odeiam os mortais. Nutrem um ciúme imenso dos humanos, por Deus ter feito o mundo para eles e não para os anjos. Esta é uma casta de anjos que, assim como os Serafins, almejam o poder, tendo nestes os seus piores inimigos. Os Hashmalim são, na realidade, os anjos que controlam a Gehenna. No passado, Lúcifer, antes de cair, tinha domínio total sobre esta região, um lugar no Céu cheio de fogo e torturas para onde eram enviadas as almas que cometeram ações malignas em sua vida. Os Hashmalim foram os remanescentes da guerra e, muitos anos depois continuam sob a influência dos pensamentos que Lúcifer germinou naquele lugar maldito. No presente, a Gehenna tornou-se um Purgatório. As almas vão à Gehenna e são julgadas. Se forem dignas de permanecer no Céu, serão enviadas para o Éden, mas se forem julgada indignas são mandadas para o Inferno, o Sheol. Os Hashmalim adoram brincar com as almas dos mortais e julgarem os seus atos. São de uma certa forma os juizes do Paraíso. Embora eles obedeçam ordens divinas, não gostam de fazê-lo, dando ênfase a sua natureza caótica e egoísta. Essa natureza caótica é que os impede de assumir a influência que os Serafins assumem, procurando muitas vezes o poder pela força. Os Hashmalim são impulsivos e tendem a deixar levar-se pela fúria mais facilmente.

Base de Operações: o Segundo Céu, Gehenna.
Príncipe: Hashmal.
Fraqueza: Quando na Haled, são atacados, constantemente, por humanos, que sentem repulsa em sua presença.

Citação :
Citação :
ISHINS [Os Potestades]

Esta casta de anjos foi incumbida por Deus do controlar as forças naturais que regem o mundo dos mortais, tendo sua morada no Primeiro Céu, o Céu que se conecta diretamente com a Terra. São eles que causam as tempestades, os terremotos e demais calamidades provocadas pelas forças da natureza. A organização dos Ishim é fraca, mas o seu poder é grande. Por isso, a casta é a mais odiada e invejada pelos outros anjos, principalmente pelos Serafins e pelos Hashmalim pelo grande poder que lhes foi dado. A casta se acha superior às outras e são extremamente fiéis à Deus. São auto confiantes e orgulhosos. Os Ishim se acham tão superiores aos outros anjos que não costumam se unir nem com membros de outra casta. De fato trata-se de uma das castas mais poderosas. Por serem a força da natureza, os Ishim detestam a tecnologia. Eles acreditam que o progresso da humanidade atingiu um ponto que chega a desafiar as forças naturais. Os homens estão poluindo, queimando e destruindo o planeta. E isso, para os Ishim, é culpa do progresso e da tecnologia dos mortais. A maioria dos membros desta casta evita utilizar armas de fogo, andar de carro e até mesmo tomar um elevador.

Base de Operações: o Primeiro Céu, Tártaro.
Príncipe: Azael.
Fraqueza: São alérgicos à produtos industrializados e podem ser envenenados por estes quando estão na terra.

Citação :
Citação :
MALAKINS [Os Vigilantes]

Embora os arcanjos insistam em afirmar que Miguel foi o primeiro anjo, há aqueles que acreditam que Haniel, o príncipe dos Malakim foi o primeiro anjo a ser criado por Deus. A casta toda foi concebida com um único propósito: estudar. No início dos tempos, logo após a Criação, Deus criou uma enorme biblioteca na camada mais alta acessível aos anjos - o Sexto Céu - conhecida como a Casa da Glória, e incumbiu a casta Malakim de observar os passos da Humanidade, arquivar os fatos e estudá-los do momento da Criação até os últimos dias, às vésperas do Juízo Final. Os Malakim são anjos extremamente reservados. Dificilmente deixam a Casa da Glória, a não ser que a sua missão seja realmente importante - normalmente é necessário uma ordem dos arcanjos para que isso aconteça. Embora os Malakim sejam detentores de um incrível poder, as outras castas não os vêem como uma ameaça. Uma vez que estão quase sempre empenhados em seu trabalho de assistir e catalogar os caminhos da humanidade, não se misturam aos outros anjos e não desagradam ninguém. Na verdade, os Malakim são orgulhosos, embora não gostem de demonstrar isso. Eles acatam as ordens dos arcanjos apenas por conveniência. Na verdade, como receberam ordens do próprio Deus, costumam alegar muitas vezes: “Como ousa retirar-me do exercício de minha função, que me foi ordenada por Deus em pessoa?”. Os outros anjos conhecem muito pouco sobre os poderes dos Malakim pelo seu comportamento fechado, e correm rumores que o príncipe da casta trata seus assuntos com o próprio Deus e que possuem o poder de controlar o contínuo do espaço-tempo e manipular o passado, o presente e o futuro.

Base de Operações: o Sexto Céu, Raquia'a.
Príncipe: Kamael.
Fraqueza: Não podem se associar à nenhum dos três lados (Gabriel, Miguel ou Lúcifer).
Voltar ao Topo Ir em baixo
 

[Lista] Castas dos Anjos

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Anjos RPG BR :: Anjos RPG :: Atendimento-